Conheça mais sobre os motivos da campanha Outubro Rosa

By Hadassa Rodrigues - quinta-feira, outubro 24, 2013

Bruna Marquezine cedeu os direitos de imagem para a campanha O Câncer de Mama no Alvo da Moda.

O mês de Outubro já está quase terminando, e ele foi o essencial para conhecer mais sobre a campanha Outubro rosa. O movimento Internacional de conscientização para detecção precoce do câncer de mama, foi criado para promover informações sobre o a doença, e proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e tratamento.

O câncer de mama é uma doença grave, mas que pode se curada. Quanto mais cedo ele for detectado, mais chances de cura.

Em geral, o primeiro sinal da doença costuma ser a presença de um nódulo único, não doloroso e endurecido na mama. Outros sintomas, porém, devem ser considerados como a deformidade e aumento da mama, vermelhidão, dor e a presença de liquido nos mamilos

AUTO EXAME
Durante um bom tempo, nós víamos muitas campanhas de conscientização sobre o câncer de mama, essas campanhas divulgavam a ideia de que o auto exame das mamas (palpação), era a melhor forma de detecção precoce. O tempo passou, a medicina evoluiu e as recomendações mudaram.
Claro que o autoexame continua sendo muito importante - mas de forma secundaria. Quando o tumor atinge o tamanho suficiente para ser palpado, já não está mais no estágio inicial, e as chances de cura não são as máximas
DETECÇÃO PRECOCE 
Mulheres entre 40 à 49 anos devem fazer anualmente o exame clínico das mamas com um profissional de saúde capacitado (médico ou enfermeiro) nas unidades básicas de saúde. Caso seja identificada alguma alteração suspeita, o profissional pedirá uma mamografia para confirmação do diagnóstico. Mulheres com risco aumentado de desenvolver câncer de mama (mãe ou irmã com câncer de mama antes dos 50 anos; história familiares de câncer de mama, câncer no ovário ou câncer de mama masculino) devem iniciar o acompanhamento aos 35 anos.
PREVENÇÃO
Um estudo publicado no Journal of the National Câncer Institute mostrou que adolescentes praticantes de exercícios físicos intensos diminuem as chances de sofrer de câncer de mama na fase adulta em até 23%. Os exercícios são capazes de reduzir os níveis de estrógeno, hormônio relacionado ao risco de câncer. A amamentação também é um fato que reduz em até 5% o risco de desenvolver  a doença. Quando a mulher amamenta, ela estimula as glândulas mamárias e diminui a quantidade de hormônios. Manter uma dieta balanceada para controle do peso, não beber em excesso  e ficar livre de estres, são ótimos métodos contra prevenção 

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários