Guia de profissões: Designer de Moda - entrevista com Isabela Teobaldo

by - sexta-feira, setembro 06, 2013

Quem é que nunca assistiu a um programa de televisão sobre moda ou folheou uma revista imaginando como seria fazer parte daquele universo fashion? Quem trabalha e estuda nesse meio, sabe que a rotina da vida real está longe de ser parecida com as da revista, mas tem seus momentos divertidos. 
O Minimalista pesquisou, e trouxe algumas respostas de perguntas frequentes quanto ao curso de Design de Moda. Além das pesquisas feitas, contamos com a ajuda da estudante de moda Isabela Teobaldo.
O que faz um designer de moda: Esse profissional cria peças de vestuário e acessórios, definindo estilos e modelagens. Ele faz uso da análise das tendências de comportamento para desenvolver coleções de acordo com o gosto do público-alvo. Um designer de moda também pode prestar assessoria de moda para pessoas ou para grandes lojas.

Onde ele pode trabalhar: A industria da moda está crescendo e necessita de profissionais capacitados para atender as etapas da cadeia produtiva. O profissional de design de moda pode atuar como personal stylist, na criação de roupas, de acessórios, desenhos de estampas e desenvolvimento de novos tecidos. Também pode trabalhar na produção de desfiles e editoriais de moda para revistas, catálogos e anúncios.

O que ele estuda na faculdade: O curso conta com cadeiras que ensinam sobre história da moda, comunicação, cores, criação, modelagem, confecção, fotografia, produção, entre outras matérias em um período de 4 anos.
QUERO FAZER MODA, E AGORA?

1# O que eu preciso para fazer moda?
Um dos itens indispensáveis para começar o curso, é ter a certeza de que é isso mesmo o que você quer. Infelizmente  alguns estudantes e profissionais da moda sofrem pré conceitos em relação a profissão escolhida, falam que é uma futilidade, que quem faz o curso só desenha e só falam de roupas e bla bla bla. Pensamento errado, dentro das grades de ensino do curso, existem várias matérias além de desenho e história da moda, como história da arte, sustentabilidade, história da indústria têxtil. Estudar moda é aprender a fazer coisas não só do nosso gosto. Todos os trabalhos exigem bastante criatividade e dedicação. O curso ainda não é muito valorizado por quem está do lado de fora, e para encarar isso tudo é necessário muito amor de dedicação

2# Todas as faculdades de moda são iguais?
Há diversas faculdades com "conceitos" diferentes. Tem cursos que são mais voltados a industria têxtil, outras para o estilismo, outras para criação ou modelagem. Você pode pesquisar ou analisar isso vendo a grade curricular do curso na faculdade que você escolheu.

3# Vou ter dificuldades para arrumar emprego?
Esse é um risco que pode acontecer em todos os cursos. Depende apenas de você. Se você é bom naquilo que faz, não tem motivo para ter medo.

4# Para ser jornalista de moda, é necessário fazer curso de Design de moda?
Não! Para ser jornalista de moda não é necessário fazer curso de Design de Moda. No caso o mais indicado é fazer um curso de jornalismo e então uma especialização. Se você quer ser Jornalista de Moda, é melhor seguir para o curso de jornalismo. O Design de Moda é uma área bem diferente, mas é ótimo para falar  de certos assuntos com mais propriedade de como funciona o desenvolvimento criativo, tecelagem, as confecções.


FALANDO NISSO

Também entrevistamos a estudante de Design de moda, Isabela Teobaldo, que está em seu primeiro semestre na UTFPR. E ela contou um pouco como sobre o curso, sobre a faculdade, e como é a vida de fora casa.
Pra você, qual mulher você considera ter atitude?
Mulher de atitude pra mim foi Gabrielle  Bonheur Chanel,  a maneira com ela subiu na vida e esteve avante ao seu tempo, a torna uma das mulheres que mais merecem destaque, não só como estilista, mas como mulher. 

Se você pudesse escolher ser um estilista atual, quem você seria?
Me desculpa a pretensão, mas seria o Karl Langerfeld. Ele consegue dominar o Império Chanel de uma maneira fantástica. Além dele ter a própria marca, ele já trabalhou pra outras ao mesmo tempo, sempre com o trabalho impecável. Já os nacionais eu escolheria ser o Alexandre Herchcovitch.
Por que Designer de Moda?
Sempre gostei de moda, e sempre gostei do mundo da fotografia e do glamour. A máquina de costura era vista como um brinquedo pra mim. Quando mais nova eu fazia roupas para as minhas bonecas, elas eram minhas modelos. Já pensei em várias profissões como biologia marinha e arquitetura. Mas comecei a pesquisar melhor sobre moda e acabei me apaixonando pela profissão.

A faculdade é tudo o que você pensou que fosse?
Sim, claro que não é fácil como as pessoas pensam e falam. A faculdade não é só desenhar como muitos criticam, nós estudamos e desenhamos modelagens que devem ser esteticamente diferente e ter um conceito, além de ser ergonômico.  

Como você define seu estilo?
Indefinido, vária com meu humor e paciência de me arrumar. Normalmente calça jeans, T-shirt, cardigã ou uma jaqueta. Mas uma peça que não pode faltar no meu guarda roupa é o bom e velho jeans.
Quais seus autores favoritos?
Nicholas Sparks e Fernanda Saads, ela não é muito conhecia mas escreveu um dos livros que eu mais gostei "Do seu lado".

Como é morar longe da família?
Difícil, mas a melhor coisa do mundo. Me fez crescer bastante, mais responsabilidade e paciência em conviver com pessoas que eu não conhecia. No começo é tudo festa, casa nova, tudo lindo, mas depois vem a realidade. A independência é a melhor experiencia do mundo.

You May Also Like

0 comentários